um pouco mais sobre mim...

Minha foto
Casada, escritora, com a alma rodeada de perguntas... Amo meu marido, minha família e meus animais de estimação. Sou um pouco ansiosa, gosto de tudo o que faz bem. Amo escrever... Isso faz de mim elo com os sentimentos que me consomem e que vagam por entre as pessoas. Sou uma pessoa extremamente intuitiva, que adora ouvir música (extremamente seletiva quanto a isso), que ama escrever, que faz do amor sua fonte de energia vital... Sempre!

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Provocações



Provoca meus instintos
Sem nem pedir licença.
Atiça, tortura
Com uma naturalidade louca.
Encanta, excita
Com uma doçura sem vergonha.
Coisa louca essa!
Toda permanente,
Toda inconstante.
Toda capaz de enlouquecer!
De tirar o sono
Às duas da madrugada...
Desejo à flor da pele.
Juízo nenhum dentro d’alma.
A vontade de ser sua,
A toda hora.
De lhe deixar cavalgar em meu corpo,
Com a insanidade do Deus da Luxúria.
De fazer-me menina-moça, quase ingênua,
Só para que você me ensine os caminhos
Rumo ao gozo mais profundo.
De ensinar-lhe o que sei,
E atordoar-lhe em noites de chuva forte.
De embaçar a vidraça.
De esquentar a cama, suar a pele.
De fazer escorrer o suor do prazer eterno.
De suar com você
O calor dos corpos enroscados,
Embriagados por beijos e salivas,
Sensações e Kama Sutras.
De pertencer ao seu abraço,
Todo apertado, com medo da fuga.
Nesta, noutra vida.
De me perder nos beijos, nos quadris,
Nas coxas encaixadas.
De me contorcer toda,
Por não suportar mais tanta excitação.
De me fazer louca,
Depois que o ápice é atingido.
O cume da satisfação.
Da excitação, do desejo mais perverso.
Toda a perversão nos poros
A exalar-se por si própria.
Toda a libido exposta, explícita, entregue.
Entrego-lhe cada sensação minha.
De cada sentir mais profundo.
De cada profundidade atingida.
À medida que me invade.
À medida que me enlaça pela cintura,
E me joga na cama...
Para realizar tudo o que quiser.
Provoca meus instintos,
Sem nem pedir licença.
Invade minh’alma,
Com toda a certeza de permanecer.
E permanece.
À medida que enlouquece.
Que tira o sossego.
Que atiça e provoca.
E provocar é algo que faz de olhos fechados.
Olhos fechados
E braços abertos a mim.
Sempre...!!!

2 comentários:

  1. Realmente excitante...pudera tudo isso acontecer na vida de cada um...sem palavras,sem folego.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por seu comentário, leitor anônimo...

      Excluir