um pouco mais sobre mim...

Minha foto
Casada, escritora, com a alma rodeada de perguntas... Amo meu marido, minha família e meus animais de estimação. Sou um pouco ansiosa, gosto de tudo o que faz bem. Amo escrever... Isso faz de mim elo com os sentimentos que me consomem e que vagam por entre as pessoas. Sou uma pessoa extremamente intuitiva, que adora ouvir música (extremamente seletiva quanto a isso), que ama escrever, que faz do amor sua fonte de energia vital... Sempre!

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Para...




Para você ler meus pensamentos,
Antes de mais nada
Feche os olhos
E abra seus braços.
Deixe com que seus pulmões
Inflem-se de amor e luz,
Meus ingredientes principais
De vida!


Para decifrar como vivo,
Ouça o barulho da chuva
Madrugada adentro.
A penumbra da noite
Inebria meus pensamentos
E os faz vaguear
Por ilusões tão doces
Quanto o pirulito todo colorido
Da padaria da esquina.


Para seguir meus conselhos,
Faça seguinte:
Ouça com atenção
Pois carrego no peito
Uma alma tão velha
Quão sofrida e sábia.


Para amar como amo,
Siga seu coração.
Ele certamente mostrará
Que o amor é a fonte
Para dias melhores.


Para ter amigos como os que tenho,
Cultive-os todos s dias.
Amigos são flores
Que devem ser regadas
No início da manhã
Ou no final do dia
Quando o calor do sol
Já não queima a fina pele
Que recobre o sentimento que os une.


Para caminhar de maneira feliz,
Como busco fazer, todas as manhãs,
Apenas cante.
Quem canta ouve seus sonhos
E faz deles momentos de felicidade,
Mesmo que, lá fora,
O mundo esteja cinzento e rebuscado.


Para ler-me em seus pensamentos,
Siga cada passo.
Um atrás do outro.
Nessa estrada que não tem trilha
Apenas pequeninos vagalumes
A iluminar
No meio da escuridão
Que é mistério
Do ato “viver”...

sábado, 9 de abril de 2011

Promessa




Eu quero que tu sejas para mim
Todo o amor que há no mundo.
Em troca, prometo ser para ti
O mais ardente dos sentimentos.
Aquele que só se esquece
Quando se perde a memória,
Ou talvez, nem assim.
Prometo que, se me amares todos os dias,
Seus olhos refletirão
Um brilho esplendoroso e ofuscante,
Pois meu amor por você
É capaz de cegar quem nos inveje.
Se me fizeres sua, quando o sol se pôr,
Garanto-te satisfazer teus desejos mais audaciosos...
Delícia de se fazer e sentir.
Se prometeres a minha pele
O perfume da tua
Pode-se considerar tão perfumado
Quanto um ramalhete de cravos e rosas.
Cheiro tão doce quanto o amor
Que trago no peito.
Quando fechares os olhos
Buscando-me em seus sonhos,
Saibas que estarei lá, todas as noites
Pois adentrar em seus devaneios
É, sem dúvida, viajar pelos mistéris
Deliciosos da madrugada.
Um amor doce e eterno
Audacioso e, ao mesmo instante,
Carregado de bençãos!
A delícia do prazer
Envolta na satisfação de saber
Que juntos formamos a equipe perfeita,
Hoje e enquanto me desejares como tua...

Divino




Busco no silêncio da madrugada
O mais suave dos sonhos.
Fecho meus olhos, ao som da chuva,
E quando acordo, vejo você
Tranquilo e eterno
Sorrindo para mim, cuidando de minh'alma...
E isso, sem dúvida, não tem preço
Nem explicação...
É divino!