um pouco mais sobre mim...

Minha foto
Casada, escritora, com a alma rodeada de perguntas... Amo meu marido, minha família e meus animais de estimação. Sou um pouco ansiosa, gosto de tudo o que faz bem. Amo escrever... Isso faz de mim elo com os sentimentos que me consomem e que vagam por entre as pessoas. Sou uma pessoa extremamente intuitiva, que adora ouvir música (extremamente seletiva quanto a isso), que ama escrever, que faz do amor sua fonte de energia vital... Sempre!

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Satisfação



Venho até aqui, no meio da noite, com um único intuito.
O de satisfação.
E a única forma de me satisfazer é usando e abusando de sua carne.
Assim, na lata.
Não posso lhe prometer nada além de momentos de diversão.
Sou das danças vibrantes, provocantes...
E se quiser posso dançar para você.
Sem muita coisa em troca.
Só a satisfação minha como moeda.
Satisfaça minha insaciedade
E eu lhe levarei ao delírio.
Tatearei cada centímetro...
Estimularei cada sensação.
E me jogue de costas, na cama macia e perfumada...
Eu saberei ser boazinha, na medida do meu querer.
Sou daquele gole de vinho gelado sentido na língua, levemente.
Com gostinho de bala de menta pinicando onde quer que minha língua passe.
Adoro lamber a pele, ouriçada.
Desde que tal pele venha perfumada e limpinha.
Um banho de espuma ou de chuveiro a dois...
É sempre boa pedida para um começo de aventura.
E depois do banho, a loucura!
Toda enfeitada com pensamentos pervertidos.
Daqueles de se espantar com tamanha falta de vergonha.
Sou da madrugada sempre acesa.
Da música tocando levemente na vitrola antiga.
Das velas a fazer o ar de mistério no ambiente.
Do beijo molhado, melado.
Da piscadela convidando...
Adoro um convite indecente!
Daqueles de virar a cabeça para baixo.
De ficar imaginando como será, o dia todo.
As horas passam devagar e a ansiedade infiltra.
E não é só ela que me pode infiltrar.
Aguardo sua infiltração mais insana.
Sua penetração mais luxuosa.
Sua capacidade em se superar, gozo após gozo.
Entrego a você algumas horas minhas.
Algumas das melhores, por sinal.
Mas, quero que me satisfaça.
Por completo.
Que me deixe estirada na cama, no divã todo erótico do canto do quarto...
E que ainda me dê aquele beijo depois do sexo.
Estalado, molhado e muito bem lembrado depois.
Venha me satisfazer.
Eu lhe retribuirei cada mimo, cada puxão de cabelo mais assim...
Venha me visitar, vez ou outra.
A porta estará aberta.
E a loucura sempre a postos!

Um comentário: