um pouco mais sobre mim...

Minha foto
Casada, escritora, com a alma rodeada de perguntas... Amo meu marido, minha família e meus animais de estimação. Sou um pouco ansiosa, gosto de tudo o que faz bem. Amo escrever... Isso faz de mim elo com os sentimentos que me consomem e que vagam por entre as pessoas. Sou uma pessoa extremamente intuitiva, que adora ouvir música (extremamente seletiva quanto a isso), que ama escrever, que faz do amor sua fonte de energia vital... Sempre!

domingo, 4 de setembro de 2016

Loucura de Quinta…



Enlouquece-me na quinta. À espera pelo seu melhor perfume. Por seu corpo roçando ao meu, debaixo de um chuveiro quente.
É loucura desejar cada encontro. Esperar por cada telefonema!
Contudo, é a minha melhor loucura, saiba você disso! Em meio a tantos problemas sem solução aparente, descarregar minhas energias ruins em um sexo selvagem com você é válvula de escape.
Dirá que uso-lhe! Que seja! Da mesma forma em que faz de meu corpo o que quer para sua satisfação!
Sem punição ou cobrança, somos um do outro, quando queremos sê-lo!
Das outras vezes, voltamos para o nosso marasmo rotineiro de vida. Sem muitas novidades. Sem recados autoadesivos colados na tela do computador. Sem olhar a cada dois minutos para o relógio analógico.
Sim! Sou das extremidades! E você, certamente, é minha melhor aventura, Com ou sem vinho para alegrar. Mas, com bala de menta para adocicar a relação.
Por falar em relação, dizem que somos bons amigos. E amantes. Contudo, que se fôssemos um casal não daríamos certo.
Acho isso verídico. Somos eficientes como dupla. Porém, disputamos os dois o pódio de primeiro lugar. E para que haja relacionamento, nem sempre devemos estar em primeiro lugar.
Sou muito independente. E você possui asas enormes, como águia; e olhares demais para as outras, como lince.
Não que eu não goste. Nem posso questionar algo que, na verdade, não é de minha posse. Não lhe possuo e, portanto, não posso argumentar. Tanto que não espero que argumente, questionando, quando me vir dançando nos braços de um outro alguém tão atraente quanto sua pele cor de jambo.
Gosto do seu sexo. Ele me revigora. Todavia, é só para o momento!
Somos livres, desimpedidos de qualquer cobrança, desde que estejamos longe da pele um do outro. E, por hora, me perder em seu suor é algo altamente favorável!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário